quarta-feira

DESEJO À TODOS UM FELIZ NATAL!!!




Desejo à todos que me acompanharam,
à todos que me dedicaram sua amizade e carinho;
Um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de paz,alegrias,saúde e sucesso!


Bjos
Soraya

segunda-feira

Craquelê no metal

Dica inicial
Retire o pó da peça antes d começar a aplicação do verniz base craquelê com um pano limpo e seco.
Materiais
• 1 peça galvanizada
• Selante Universal Primer Mural Color
• Tinta acrílica decorativa Mural Color nas cores: verde country e champagne
• Set para craquelado Mural Color
• Verniz fosco Mural Color
• Kit Wallies Plaid
• Espátula de Teflon
• Pincéis Condor com pelos sintéticos na série: 306-18 e 306-20
• Pincel Condor com pelos Toray na série 304-18

 
1
Com um pincel 304-18, dê uma demão de Selante Universal Primer Mural Color. Será ideal dar pinceladas em um mesmo sentido e aguardar a secagem total do produto aplicado.
2
Dê uma demão de tinta acrílica decorativa Mural Color na cor verde country, movimentando o pincel 304-18 em uma mesma direção. Aguarde a secagem total da tinta aplicada.
3
Com o pincel 306-20, dê uma camada fina de verniz base do kit Craquelê Mural Color sobre a peça. Aguarde aproximadamente 20 minutos de secagem.
4
Em um godê, misture tinta acrílica decorativa Mural Color na cor champagne a um pouco de craquelador e use o pincel 306-18 para dar uma demão dessa mistura sobre a peça, pincelando em um único sentido. Aguarde a secagem por aproximadamente 30 minutos e note que serão evidenciadas as rachaduras que caracterizam o efeito craquelê.
5
Molhe os pelos do pincel 304-18 em um pouco de água e passe no verso das figuras (Wallies). Feito isso, apóie na parte frontal e externa, e fixe as figuras ainda melhor, passando a espátula de Teflon sobre as mesmas. Aguarde a secagem total da découpage desenvolvida.

  (Mural color)

quinta-feira

PAPEL RECICLADO ARTESANAL


O papel nada mais é que um emaranhado de fibras vegetais. Ao transformar papel usado em novo, estamos na verdade desfazendo essa trama e entrelaçando as fibras novamente. A partir do papel artesanal, é possível confeccionar papéis de carta, marcadores de livros, porta-retratos, porta-lápis, capas de caderno, livros, cartões de visitas, envelopes, convites, papel e embalagens de presentes, entre muitas outras possibilidades.
Entre os tipos de papel que podem ou não ser reciclados, temos:



RECICLÁVEIS
jornais e revistas, folhas de caderno, formulários de computador, envelopes, rascunhos, caixas em geral, aparas de papel, fotocópias, papel de fax, cartazes e folhetos
NÃO RECICLÁVEIS
papel carbono, fita crepe, papéis metalizados, papéis parafinados, papéis plastificados, papéis sanitários, "papel" de bala, embalagens de biscoitos, papéis sujos, etiqueta adesiva, tocos de cigarro e fotografias


O que você precisa:
  • papel e água
  • bacias: rasa e funda
  • balde
  • moldura de madeira com tela de nylon ou peneira reta
  • moldura de madeira vazada (sem tela)
  • liquidificador
  • jornal ou feltro
  • pano (ex.: morim)
  • esponjas ou trapos
  • varal e pregadores
  • prensa ou duas tábuas de madeira
  • peneira côncava (com "barriga")
  • mesa
Etapas:
A - Preparando a polpa:
Pique o papel e deixe de molho durante um dia ou uma noite na bacia rasa, para amolecer. Coloque água e papel no liquidificador, na proporção de três partes de água para uma de papel. Bata por dez segundos e desligue. Espere um minuto e bata novamente por mais dez segundos. A polpa está pronta.
B - Fazendo o papel:


1. Despeje a polpa numa bacia grande, maior que a moldura.
papel
2. Coloque a moldura vazada sobre a moldura com tela. Mergulhe a moldura verticalmente e deite-a no fundo da bacia.
papel
3. Suspenda-as ainda na posição horizontal, bem devagar, de modo que a polpa fique depositada na tela. Espere o excesso de água escorrer para dentro da bacia e retire cuidadosamente a moldura vazada.
papel
4. Vire a moldura com a polpa para baixo, sobre um jornal ou pano.
papel
5. Tire o excesso de água com uma esponja.
papel
6. Levante a moldura, deixando a folha de papel artesanal ainda úmida sobre o jornal ou morim.
papel


C - Prensando as folhas
Para que suas folhas de papel artesanal sequem mais rápido e o entrelaçamento das fibras seja mais firme, faça pilhas com o jornal da seguinte forma:
Empilhe três folhas do jornal com papel artesanal. Intercale com seis folhas de jornal ou um pedaço de feltro e coloque mais três folhas do jornal com papel. Continue até formar uma pilha de 12 folhas de papel artesanal.
Coloque a pilha de folhas na prensa por 15 minutos. Se não tiver prensa, ponha a pilha de folhas no chão e pressione com um pedaço de madeira.
Pendure as folhas de jornal com o papel artesanal no varal até que sequem completamente. Retire cada folha de papel do jornal ou morim e faça uma pilha com elas. Coloque esta pilha na prensa por 8 horas ou dentro de um livro pesado por uma semana.
Efeitos decorativos
Misture à polpa: linha, gaze, fio de lã, casca de cebola ou casca de alho, chá em saquinho, pétalas de flores e outras fibras.
Bata no liquidificador junto com o papel picado: papel de presente, casca de cebola ou de alho.
Coloque sobre a folha ainda molhada: barbante, pedaços de cartolina, pano de tricô ou crochê. Neste caso, a secagem será natural - não é necessário pressionar com o pedaço de madeira.
Para ter papel colorido: bata papel crepom com água no liquidificador e junte essa mistura à polpa.  Outra opção é adicionar guache ou anilina diretamente à polpa.


Dicas importantes

  • tela de nylon deve ficar bem esticada, presa à moldura por tachinhas ou grampos.


  • Reutilize a água que ficar na bacia para bater mais papel no liquidificador


  • Conserve a polpa que sobrar: peneire e esprema com um pano. Guarde, ainda molhada (em pote plástico no congelador) ou seca (em saco de algodão). A polpa deve ser ainda conservada em temperatura ambiente.

    (Fonte:recicloteca)

reciclagem de papel

Modo de fazer

1º passo 2º passo
1º passo - Deixe uma quantidade grande de papel de molho de um dia para o outro. Quanto mais mole ele ficar, melhor para bater.
2º passo - Para cada copo americano de água, a mesma medida de papel.

3º passo 4º passo
3º passo - Bata por alguns segundos a mistura no liqüidificador. Lembre-se. Cuidado para não queimar o aparelho.
4º passo - Veja como fica a polpa. Se quiser um papel mais grosso, coloque mais papel. Se quiser um papel mais fino, ponha mais água.

5º passo 6º passo
5º passo - Encha a bacia (ou banheira ou o tanque) de água para cobrir a tela. Jogue a mistura que você bateu no liqüidificador nesta bacia.
6º passo - Pegue a tela e mergulhe-a na vertical até o fundo.

7º passo 8º passo
5º passo - Faça um movimento com a tela como se fosse juntar sujeira com uma pá.
6º passo - Deixe a tela na horizontal, leve até o fundo e comece a levantá-la

9º passo 10º passo
9º passo - Retire a tela totalmente da água.
10º passo - Coloque um jornal sobre uma pia, por exemplo.

11º passo 12º passo
11º passo - Vire a tela sobre o jornal.
12º passo - Pressione a tela com o pano ou esponja (não esfregue!) até retirar o máximo de água da tela.

13º passo 14º passo
13º passo - Dê umas leves batidas para desgrudar o jornal e o papel reciclado da tela.
14º passo - Como o papel reciclado grudou no jornal, pendure-o no varal para secar. Assim, você aproveita a tela para fazer vários papéis ao mesmo tempo.

15º passo 16º passo
15º passo - Assim que secar, desgrude o papel reciclado do jornal e dê o formato que quiser, como envelopes, sacolas...
16º passo - Outras cores possíveis se você usar tinta para tingir roupa.
Este material é de autoria da estilista Érika Senra e foi retirado do  site: http://www.acessa.com/mulher/arquivo/artesanato/2005/11/29-papel/

Gorro de Natal





Escrito por Produção Aprenda Aqui   
Gorro
Especial Natal
Faça em poucos minutos um gorro igual o do Papai Noel para você e para todos da família. As crianças vão adorar usá-lo na noite de Natal.

Materiais: 
Elanca vermelha; manta acrílica; linha branca; agulha e tesoura.

Confecção:
corte - para aprender a cortar o tecido, é bem simples.
Corte o tecido e a manta acrílica. A borda do gorro deve ser cortada em duas alturas, ou seja, com 10cm que serão dobrados.
Use um zigue-zague médio para não franzir o tecido. Passe duas costuras para fixar a manta na elanca: a primeira a 1cm da borda a segunda a 4,5cm da borda inferior.
Passe o gorro na máquina para fechar lateral até a ponta.
  Costura  Costura  costura
Com as mãos puxe a manta da borda inferior para cima e a dobra superior para baixo.
Inicie a confecção do pompom. Com a linha branca na agulha alinhave toda a borda do círculo, como se um fuxico.
Antes de fechar recheie com um pouco mais de manta. Ao final, puxe a linha e modele em forma de bola. Prenda na ponta do gorro e... prontinho.
 Pompom  pompom  união
     Feliz Natal!

DESODORIZADOR - ESTILO AMERICANO



1 -  INGREDIENTES :
ÁLCOOL DE CEREAIS – 300 ml
ESSÊNCIA BERGAMOTA, LAVANDA OU PASTILHA FRANCESA – 15 ml
TWEEN – 25 ml
ÁGUA – 600 ml


2 - Adicionar em um recepiente os 25ml de tween;
3 - Acrescentar aos 25ml de Tween 15 ml de essência (indicada nos ingredientes)
4 - Mexer a mistura até que a mesma se torne homogenea.
5 - Adicionar à mistura os 600ml de água (de sempre preferência a água deionizada para evitar que o seu produto oxide com o tempo, o que deixa um cheiro " azedo" no produto
6 - Se desejar adicione o corante na mistura - sempre corante a base de água ou alimentício( o corante alimentício é hipoalergênico, ou seja, tem MENOS chance de provocar alergias)
7 - Adicione 300 ml de Alcool de Cereais à mistura.
8 - Misture bem. Pronto é só envasar.
9 - Seu Desodorizador está pronto ! É só apertar o dispositivo e deixar sua casa e suas roupas cheirosas como nunca !!!!
A receita rende 940 ml de desodorizador.
O custo total da receita (940ml)é de R$3,65
Um borrifador como o da Foto - de 300 ml custa R$ 2,90
O Custo do Borrifador com o Produto é de R$4,11 e pode ser vendido a R$12,00.
Se divirta e Bons Negócios !!!!





(Arte feita)

Espelho de Luz


Você vai precisar de:
- Massa para biscuit Mago natural
- Corante pasta gel Mago branco
- Rolo liso Mago
- Bico de confeitar Mago modelo pitanga
- Extrusora Mago
- Papel (para os moldes)
- Espelho de luz



Tinja a massa natural da Mago com o corante em pasta gel Mago, na cor branca.
Com o rolo liso abra a massa, aproximadamente 1/2 cm.



Com a cola especial para biscuit cole a massa no espelho, forrando toda a parte da frente.


Com o bico de confeitar Mago modelo pitanga ( no número de sua preferencia) faça os detalhes no espelho de luz pressionando o bico na massa.

Faça com o extrusora e o disco quadrado, um cordão. Ao terminar torça-o dando o formato de uma corda.Cole o cordão em volta do espelho de luz.

Corte um pedaço de papel para fazer os moldes das peças que compõe a pipa, com o tamanho desejado.
Utilize o molde de papel para recortar a massa. Faça também o peão e o rolo de carretel.



Faça a rabiola conforme a foto. Faça dois cordões pequenos, com um pouco de massa, para serem a estrutura da pipa. Monte a pipa.

Cole a pipa no espelho de luz, junto o peão e o carretel de linha.

Dica: utilize a mesma técnica para fazer diferentes composições nos espelhos de luz, como mostra a foto.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...